Quinta, 14 de janeiro de 2021.

ALPINE É A VANGUARDA DA INOVAÇÃO DO GRUPO RENAULT, COM CARROS ESPORTIVOS EXCLUSIVOS

• Alpine Cars, Renault Sport Cars (RSC) e Renault Sport Racing (RSR) unem suas forças sob a liderança da Alpine

• A nova organização da Alpine associará a excelência tecnológica e a paixão pelas corridas, para desenvolver carros esportivos de alta performance, autênticos e exclusivos

• Esta organização independente e de “nova geração” associa a expertise única em engenharia da RSC e RSR, a fábrica de produção de Dieppe, a exposição midiática da Fórmula 1 e o legado da marca Alpine

• Uma gama 100% elétrica que conta com tecnologias de ponta oriundas da Fórmula 1

• Um protocolo de intenções com a Lotus, líder em carros esportivos leves e icônicos, para desenvolver uma nova geração de carros esportivos 100% elétricos

• Máxima utilização dos diferenciais do Grupo Renault e da Aliança RNM, para uma competitividade de custos otimizada

•Lucratividade prevista para 2025, incluindo os investimentos no automobilismo esportivo

A Alpine anunciou hoje seus projetos de crescimento em longo prazo, como marca do Grupo Renault dedicada a carros esportivos inovadores, autênticos e exclusivos.
As atuais atividades da Alpine Cars, Renault Sport Cars e Renault Sport Racing serão reunidas em uma única organização, sob a marca Alpine. A Alpine associará a credibilidade de uma marca autêntica, uma produção especializada, a maestria da engenharia e a enorme exposição midiática da Fórmula 1.  Juntas, estas atividades assentam as bases para criar real valor de mercado em torno da Alpine, elevando a marca a um novo patamar.

A nova organização da Alpine será uma marca de “nova geração”, para os chamados early adopters, exigentes e apaixonados.
 
Forças atuais e novas sinergias, para novos desafios
A Alpine é sem dúvida a própria personificação do automobilismo francês; uma marca reconhecida, que se baseia em um legado glorioso nas competições e em especialistas altamente qualificados, que produzem o A110 na fábrica de Dieppe.
A Renault Sport Cars compreende uma equipe de 300 pessoas, que são mestres no desenvolvimento de carros esportivos. Elas deram ao Grupo Renault produtos icônicos, como R5 Turbo, Clio V6, Mégane RS Trophy e o novo Alpine A110.
A Renault Sport Racing e a escuderia de F1 epônima reúnem 1.200 pessoas, que desenvolvem o equivalente no automobilismo esportivo às “mais intrincadas joias da relojoaria”, ou seja, alguns dos melhores especialistas em aerodinâmica, mecânica e motores. A Fórmula 1 também é uma incrível plataforma de marketing, com seu meio bilhão de fãs em todo o mundo, representando uma oportunidade única para fortalecer a imagem da marca Alpine em escala global.
 
A Alpine também se apoiará na dimensão e nas capacidades de escala do Grupo Renault e da Aliança RNM, incluindo tecnologias como a plataforma nativa EV da Aliança, uma presença industrial mundial, o poder de sua organização de compras para otimizar sua competitividade de custos, uma rede mundial de distribuição e os serviços financeiros da RCI. O objetivo é se tornar lucrativa em 2025, incluindo os investimentos no automobilismo esportivo.

A garagem dos sonhos 100% elétrica da Alpine
A nova organização, a ampliação das sinergias com o Grupo Renault e a Aliança e a colaboração com parceiros exclusivos serão essenciais para dar sustentação ao planejamento de produto da Alpine:

- Um compacto esportivo (Segmento B) 100% elétrico, baseado na plataforma CMF-B EV da Aliança;
- Um crossover esportivo (Segmento C) 100% elétrico, baseado na plataforma CMF-EV da Aliança;
- Um substituto do A110 100% elétrico, desenvolvido com a Lotus.
 
Como parte do desenvolvimento da Unidade de Negócios Alpine, o Grupo Renault e o Grupo Lotus assinaram um protocolo de intenções para estudar várias áreas de cooperação, incluindo o desenvolvimento conjunto de um carro esportivo elétrico. As equipes Alpine e Lotus conduzirão um estudo de viabilidade abrangente para as atividades de engenharia, concepção e desenvolvimento conjunto de um carro elétrico esportivo, baseando-se nos recursos, expertise e instalações das respectivas organizações, na França e no Reino Unido.
A Alpine estará na vanguarda da inovação do Grupo Renault, seja em termos de tecnologia, distribuição, experiência do cliente ou qualquer outra área para criar valor para a marca e seus clientes. Por isso, a próxima geração de produtos Alpine se baseará nas últimas inovações do Grupo Renault e contará com as tecnologias e a expertise da F1: gestão eficiente da energia, sistemas de segurança e soluções de conectividade derivados da alta performance da F1 em matéria de análise e tratamento de dados, que proporcionarão uma vantagem competitiva significativa aos produtos Alpine.

“A nova organização da Alpine associa três marcas com diferenciais e áreas de excelência distintas, para fazer dela uma empresa única e autônoma. O know-how de nossa fábrica de Dieppe e a excelência da engenharia de nossas equipes da Fórmula 1 e da Renault Sport vão se revelar por meio de nossa gama 100% elétrica e tecnológica, projetando o belo nome Alpine no futuro. Estaremos nos circuitos e nas ruas, autênticos e high-tech, disruptivos e apaixonados”. Laurent Rossi, Diretor Geral da Alpine

Continuidade das competições
A Alpine e a Renault contam com uma longa história nas competições, tendo conquistado vitórias em diferentes categorias, seja na Fórmula 1, rali ou Endurance. As competições continuarão no coração dos ambiciosos projetos da Alpine e a Fórmula 1 ocupa uma posição central na estratégia esportiva da marca.
A partir de 2021, a Alpine F1 Team enfrentará alguns dos nomes de maior prestígio na indústria automotiva, ao entrar para o seleto clube das escuderias de fábrica.
“Dar uma identidade forte e específica à Fórmula 1, mas também a todo o programa de competições da Alpine, é uma confirmação e uma oportunidade. Ao colocar o automobilismo esportivo no centro de nossa estratégia, a identidade gráfica é fundamental. O visual apresentado hoje é a primeira demonstração da nova identidade da escuderia Alpine F1 Team. Alguns elementos gráficos estruturais serão mantidos no visual para as corridas e haverá uma evolução nos outros. O emblema da Alpine em tamanho “oversize” e seu apelo gráfico tricolor é o primeiro símbolo da forte identidade da marca nas competições. As cores azul, branco e vermelho remetem às cores das bandeiras francesa e inglesa, o que é muito importante para nós. Inúmeras variações em todas as atividades de competição estão por vir”. Antony Villain, Diretor de Design da Alpine
 
Uma marca que nasceu nas competições para as competições
A Alpine foi fundada em 1955 por Jean Rédélé, um jovem apaixonado pelos esportes a motor, cujo local preferido para se divertir – os Alpes – serviu de inspiração para o nome da sua marca.

A empresa começou a decolar com o surgimento do A110 original, em 1962. Na época, a Alpine e a Renault trabalhavam em estreita parceria, já que a comercialização e manutenção dos modelos da Alpine ficavam a cargo das concessionárias Renault. No início dos anos 1970, a Alpine fazia parte da elite do rali. Em 1971, a Alpine monopolizava o pódio do célebre Rali de Monte Carlo, o que se repetiu em 1973, ano em que se tornou o primeiro construtor a ser consagrado campeão do mundo de rali.
 
Paralelamente, as vendas do Alpine de produção em série decolavam. Assim, a marca decidiu construir uma fábrica dedicada em Dieppe, cuja produção iniciou em 1969, a mesma planta que hoje produz o novo A110. Em 1971, o A310 entrou em cena, dois anos antes de a Alpine ser comprada pelo Grupo Renault.
 
A Alpine conquistou seu maior sucesso no automobilismo esportivo em 1978, vencendo as 24 Horas de Le Mans. Depois disso, a fábrica de Dieppe continuou lançando novos modelos inovadores nos anos 1970 e 1980, principalmente com a produção do A310 V6 e o GTA, até que a produção finalmente foi descontinuada, em 1995. Em 2017, a Alpine lançou o novo A110, um modelo fiel aos princípios atemporais do A110 original, que conquistou sucesso imediato junto aos apaixonados por carros, além de vários prêmios internacionais.
 
 
Sobre a Alpine
Fundada em 1955 por Jean Rédélé, a Alpine sempre se destacou com seus carros esportivos com estilo francês. Em 2017, a marca apresentou o novo A110, um carro esportivo fiel aos princípios atemporais da Alpine em matéria de compacidade, leveza, agilidade e prazer de dirigir. Em 2021, a Alpine Cars, a Renault Sport Cars e a Renault Sport Racing foram reunidas sob a égide da Alpine. Assim, ela se torna uma marca dedicada aos carros esportivos inovadores, autênticos e exclusivos do Grupo Renault, que se beneficiam do legado e do know-how de sua fábrica histórica de Dieppe, bem como da maestria da engenharia das equipes de Fórmula 1 e da Renault Sport Cars.
 
 

Vídeos Relacionados

Releases Relacionados